Saiba como montar um cardápio para a alimentação no trabalho

Estabelecer o hábito de alimentar-se de forma saudável pode ser bastante difícil, especialmente para quem costuma ter a rotina de trabalho corrida, não é mesmo? Muitas pessoas mal conseguem se alimentar durante o expediente, quem dirá fazê-lo de forma saudável.

Entretanto, é muito importante cuidarmos da alimentação no trabalho, não só por uma questão de saúde, mas também por isso estar diretamente ligado à produtividade. Um corpo que recebe os alimentos certos para o seu bom desempenho passa a funcionar melhor e produzir mais.

Pensando nisso, preparamos esta matéria para ajudar você a montar um cardápio para a alimentação no trabalho. Confira nossas dicas!

Estude sua rotina de alimentação no trabalho

O ideal é se alimentar a cada 3 horas, o que implica em pelo menos um lanche entre as refeições principais. Identifique os momentos em que você consegue fazer pausas e planeje pequenos lanches para esses momentos. Dessa forma, é mais provável que você consiga, de fato, fazer a pausa para se alimentar.

Além disso, estabelecer o horário das refeições que você fará durante o expediente faz com que seja mais fácil planejar o que comer em cada momento.

Faça uma pausa para o lanche

É muito importante que você faça lanches nos horários estipulados, mesmo que não tenha fome. Assim, você evitará que ela venha mais tarde (e mais forte), favorecendo um exagero na alimentação.

Quando estiver lanchando, tente afastar os olhos da tela e se concentrar no momento. Essa prática proporciona mais prazer e saciedade.

Opte por lanches saudáveis

Existem vários tipos de lanches saudáveis que não necessitam de grandes cuidados de armazenamento e, por isso, se tornam excelentes opções para levar ao trabalho, como oleaginosas, frutas secas, bolachas de arroz e biscoitos integrais, barrinhas de cereal e de proteínas, entre outros.

Frutas também são boas opções, porém, precisam ser levadas fresquinhas no dia em que desejar consumi-las. Se você dispõe de geladeira no seu local de trabalho, iogurte, salada de frutas e pequenos sanduíches integrais também podem ser boas opções. Dessa forma, quando der o horário do lanche, você terá ótimas opções para se alimentar e, então, conseguirá manter a dieta.

Faça escolhas saudáveis no almoço

Na hora do almoço, é interessante que você faça boas escolhas, evitando frituras, alimentos gordurosos e carboidratos em excesso, pois, além de esses tipos de alimentos não serem saudáveis, eles podem aumentar a sensação de sonolência depois do almoço, o que atrapalhará o seu rendimento.

Ao invés disso, escolha uma porção de bons carboidratos, como arroz integral (que liberam energia mais lentamente), saladas variadas, preferencialmente cruas e de cores alternadas, e uma fonte de proteína grelhada, refogada ou cozida.

Caso você não tenha essas opções disponíveis no horário do almoço, estude a viabilidade da marmita, seja levando de casa ou pedindo em algum restaurante próximo. 

Mantenha-se hidratado

Para que o nosso corpo tenha um bom funcionamento, é necessário a ingestão de, no mínimo, 2 litros de água por dia. Água é sempre uma excelente opção, mas, caso você não consiga, dê preferência para bebidas leves, sem açúcar e sem conservantes, como chás e sucos integrais. 

Outra dica é adicionar frutas e ervas na água. Elas conferem um gostinho a mais e também trazem benefícios. Experimente ramos de hortelã com pedaços de abacaxi, morangos, entre outros.

Procure um profissional

O nutricionista ajudará a alcançar os seus objetivos, estipulando as quantidades corretas de ingestão de cada alimento, ajustando a sua rotina de alimentação e passando orientações sobre como seguir uma dieta balanceada. Não se esqueça de procurar esse profissional.

Temos certeza de que, com essas dicas, você conseguirá manter uma boa alimentação no trabalho, aliando saúde e rendimento! Gostou da matéria ou ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário para nós neste post. Queremos saber a sua opinião!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"