Alimentação saudável: comece já a comer legumes e verduras!

Seguir uma dieta rica em nutrientes pode ser uma tarefa um tanto quanto difícil para quem não gosta de legumes e verduras. Considerando a contribuição desses alimentos para a nossa saúde, é mais que válido investirmos em variações gastronômicas e estratégias para tornar o cardápio mais saboroso e adequado, para uma nutrição completa.

Quer garantir os benefícios de uma alimentação saudável? Confira, a seguir, algumas dicas que vão ajudar você a inserir legumes e verduras no seu dia a dia. Vamos lá!

Comer mais vezes, em porções menores

O recomendado, segundo nutricionistas, é realizar de 6 a 7 refeições diárias, sendo que mais da metade deve conter combinações de verduras e legumes. Pode parecer muito, mas as rotinas e atividades diárias têm dificultado a ingestão dos nutrientes e feito com que haja intervalos muito extensos entre uma refeição e outra.

O ideal é investir em refeições intermediárias com esses alimentos que contribuem não só para garantir a saciedade, mas também  e principalmente  para o funcionamento regular de todo o organismo.

Desse modo, podemos concluir que devemos comer com mais frequência, em porções menores e os alimentos certos.

Renovar a sua dieta gradativamente

É imprescindível que a inserção de legumes e verduras seja feita de forma gradativa. Inicie com um cardápio de pequenas porções diárias, aumentando a presença desses alimentos nas refeições, dia após dia.

Com o tempo, é possível se adequar melhor aos sabores e se conscientizar da contribuição nutricional que cada alimento pode oferecer, melhorando a sua qualidade de vida. Sem falar que a variação de cardápio será um prazer, a longo prazo.

Lembre-se que imposições não são motivadoras; por isso, tenha paciência e deixe esses alimentos ganharem espaço em seu cardápio, da maneira mais natural possível.

Misturar frutas na salada

As saladas são muito recomendadas para dietas de perda de peso, mas muitas pessoas sentem dificuldade em ingeri-las, pois o sabor mais amargo — ou mesmo a textura das folhas  não agrada muito.

Uma dica interessante para preparar receitas saborosas é combiná-las com frutas de sabores que se destacam; desse modo, esse sabor pode sobressair sobre os demais ingredientes. O limão é um dos favoritos, junto com morangos e até mesmo a manga. Apostar em frutas cítricas é sucesso na certa!

A mistura de cores também pode ser uma excelente estratégia para tornar os pratos mais atraentes e irresistíveis até mesmo para quem não gosta.

Temperar bem os alimentos

Muitas pessoas recusam alguns alimentos apenas sentindo o cheiro deles. O ideal é que você engane o seu olfato e procure refletir apenas sobre como determinado alimento pode contribuir com a sua saúde.

Uma ótima maneira de fazer isso é usando temperos diferenciados, que, além de mascararem o cheiro, deixam o sabor muito mais agradável. Alguns exemplos são salsa, orégano, tomilho, alecrim, pimenta e azeite. Além deles, você também pode contar com molhos para salada! Basta experimentar e descobrir qual te agrada mais.

Fazer sucos, shakes e smoothies

Os shakes e smoothies são alternativas muito convenientes para quem deseja uma refeição rápida e completa. O processamento adequado dos alimentos otimiza a absorção dos nutrientes e permite que legumes e verduras sejam combinadas com suplementos alimentares, frutas ou cereais, para diversificar os sabores e as texturas.

Claro que os sucos também são bem-vindos! Se você tiver uma centrífuga de alimentos, você pode processar as verduras e os legumes — com talo e casca — de modo que basta adicionar uma fruta, como a maçã, e você sequer sentirá os demais sabores.

Se deseja investir em uma dieta com a ajuda de legumes e verduras, é importante que você saia da defensiva e aceite mudar seus hábitos e gostos. O recomendado é se conscientizar de que essa é a maneira mais simples e segura de garantir benefícios para o bem-estar e para a prevenção de consequências no futuro

Portanto, não meça esforços e invista nas dicas dadas para que você ajuste seu gosto pessoal à alimentação saudável.

Gostou das dicas? Então curta minha página no Facebook e fique por dentro de novidades e informações como essa!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"