A dieta cetogênica realmente funciona? Descubra aqui!

Quem está sempre em busca da melhor forma física tem se deparado com inúmeras dietas nos últimos anos. Mas, de fato, poucas delas são comprovadamente eficazes. Além disso, o que funciona para um indivíduo pode não funcionar para outro, pelo simples fato de terem genéticas e estilos de vida diferentes.

Uma dessas dietas do momento é a cetogênica. Você já ouviu falar dela? Quer saber se pode funcionar para você?

Se você está à procura de mais informações a respeito, confira, a seguir, se a dieta cetogênica funciona e quais são as suas vantagens e desvantagens.

O que é a dieta cetogênica?

Certamente, você já ouviu falar que consumir gorduras engorda (além de afetar a saúde cardiovascular). Pois saiba que não é bem assim, e é exatamente no consumo de gorduras que a dieta cetogênica é baseada.

Descrente? Bem, como tudo na vida, essa informação deve ser relativizada. Se você já estava separando a gordura da picanha para a próxima refeição, pare agora.

A dieta cetogênica é baseada no consumo mínimo de carboidratos e no consumo acentuado de gorduras BOAS ( mono e poli-insaturadas) como aquelas presentes nas castanhas, abacate e  salmão, com alguma ingestão de proteína para complementar.

Você pode consumir gorduras saturadas (provenientes de carnes e laticinios), mas moderadamente. Gorduras trans, presentes em produtos industrializados não devem ser ingeridas em hipótese alguma, pelos seus efeitos comprovadamente danosos à saúde.

Por meio dessa dieta, os níveis de insulina abaixam  e a queima de gordura corporal aumenta exponencialmente.

A dieta cetogênica funciona?

Estudos têm comprovado que sim, mas, novamente, é importante destacar que cada indivíduo responde de uma forma, com base na sua genética e nas suas necessidades nutricionais diárias.

Por exemplo, se você é um, atleta de alta performance ou um fisiculturista, talvez a dieta cetogênica não seja a melhor opção, pois uma baixa tão extrema e repentina no consumo de carboidratos pode levar o corpo a um estado de catabolismo, em que o corpo utiliza a musculatura como combustível.

Além disso, diabéticos, hipertensos e mulheres amamentando devem tomar especial cuidado com essa dieta. É indispensável consultar um nutricionista qualificado antes de começar uma dieta restritiva.

Vantagens e desvantagens da dieta cetogênica

Os benefícios são similares aos de uma dieta low-carb, com a diferença de que o consumo de proteínas não é liberado. Isso levaria a uma maior queima da gordura armazenada no seu corpo.

Assim, a dieta cetogênica parece ser uma grande aliada do emagrecimento. Ainda, ajudaria a:

  • reverter a diabetes melito do tipo 2;
  • melhorar o foco e a concentração;
  • melhorar a pele (inclusive reduzindo a acne);
  • diminuir crises de enxaqueca.

Esses são apenas alguns dos benefícios da dieta cetogênica, mas, com certeza, o seu nutricionista saberá listar outros e identificar se ela é a melhor opção para o seu caso, pois, não raro, indivíduos em transição de uma dieta tradicional (com alto consumo de carboidratos) para uma dieta low-carb podem ter alguns efeitos colaterais, como baixa na imunidade, fadiga, náusea, dores de cabeça, etc.

Para preveni-los, você pode reduzir a ingestão de carboidratos gradualmente e ingerir muita água — a dieta cetogênica induz a perda de líquidos corporais, que carboidratos ajudam a reter.

Na dúvida, sempre consulte um nutricionista.

Agora que você já sabe como a dieta cetogênica funciona, que tal nos seguir nas redes sociais e ficar por dentro das novidades da área?

1 Comentários

  1. Artigo exelente, gostei muito do artigo e do site.
    obrigado vou compartilhar com as amigas. até mais.

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"